terça-feira, 14 de agosto de 2018

Porque é que a Laika não planeia fazer continuações dos seus filmes?

Confesso que só agora é que faço um post sobre a Laika, mas adiante...

É verdade que no que toca a cinema, tanto em live-action como em animação, Hollywood é apaixonada por continuações. No que toca a Pixar, o estúdio tem demonstrado que sabe muito bem lidar com continuações (tirando "Carros 2", 2011) na qual disseram que depois de "Toy Story 4", previsto para o ano, não planeiam fazer mais continuações dos seus filmes anteriores.

E a Laika? O estúdio de animação em stop-motion responsável por obras-primas como "Coraline e a Porta Secreta" (2009) e "Kubo e as Duas Cordas" (2016) até agora não fez uma continuação dos seus filmes anteriores. Mas porquê?

O canal brasileiro Culturas Insanas*, fala neste video lançado em 2016, porque é que a Laika, até agora não fez uma continuação dos seus filmes:



Eu concordo com o que Travis Knight disse: não é mais interessante ver um filme original, em vez uma continuação ou um remake de um filme que conhecemos?

E a Laika tem revelado, com os seus filmes, que é o verdadeiro rival da Pixar e da Disney nas animações americanas.

Talvez, os próximos filmes da Laika já ficam automaticamente na minha lista de filmes ansioso por ver no cinema, assim como os próximos filmes da Pixar.

E vocês? Qual era o filme da Laika que gostavam de ver uma continuação? Ou preferem a conduta de não fazer continuações do estúdio? Escrevam nos comentários.

* Metade dos vídeos que o canal faz envolve o criador explicar teorias disparatadas sobre filmes e series que encontrou na Internet. Isto é para avisar quem quer conhecer canais interessantes do Youtube e odeia saber desses disparates, como eu.

Trailer Oficial de "O Mistério Da Casa Do Relógio"

sábado, 11 de agosto de 2018

5 coisas que eu quero para o filme “The Incredibles 2” – O que mostrou e não mostrou


No dia 17 de Junho de 2016, eu criei um top 5 de coisas que gostava de ver no filme “The Incredibles 2”, lançado nos cinemas, 2 meses atrás e que eu vi no més passado. Cliquem aqui para relembrarem.

Quem não viu o filme, leiam a minha análise sem spoilers, e quem viu o filme, leiam a minha análise com spoilers.

Agora que vi o filme iremos rever o top 5 e saber o que o filme mostrou e não mostrou na lista.

Aviso. Isto não contem spoilers do 2º filme.


5- Origem dos poderes.

Mostrou? Não.

Porquê? Porque não era preciso. O que os fás do filme original não percebem (e eu demorei alguns anos a perceber) é que o 1 º filme fez um óptimo trabalho em mostrar que não é obrigatório fazer um 1 º filme de super-heróis para contar a história de origem dos poderes deles. E o 2 º filme respeita isso ao também não revelar a origem dos poderes. Tem poderes e pronto.


4- Novos vilões.

Mostrou? Obviamente que sim.


3- Nova Geração de Heróis.

Mostrou? Sim. Basta ver a campanha de marketing do filme.


2- Mais sobre a família de Lúcio Barros (Gelado).

Mostrou? Não.

Porquê? Não era preciso. Convém lembrar que se passa 1 minuto após os eventos do 1º filme.


1- A história passa-se 5 anos após os eventos do original.

Mostrou? Não. Passa-se 1 minuto após os eventos do original.

Porquê? Brad Bird explicou numa entrevista nos inícios deste ano, a razão por detrás disso:

"Eu escolhi os poderes (da Família Pêra) com base no papel deles na família. Sempre se espera que os homens sejam fortes, então eu dei ao Beto super-força. As mães são sempre puxadas num milhão de direcções diferentes, então eu fiz (Helena) ser super-elástica. As adolescentes são inseguras e defensivas, então eu fiz a Violeta ter campos de força e invisibilidade. As crianças de dez anos (Flecha) são bolas de energia que não podem ser interrompidas e os bebês (Zezé) são desconhecidos. Talvez eles não tenham poderes, talvez tenham todos os poderes. Nós não sabemos... Então, essa ideia muda se tu envelheceres os personagens, e a percepção desses períodos da tua vida e aquelas perspectivas particulares desaparecem quando tu as envelheces. "

Ele tem razão. Para dizer a verdade, eu não conseguia imaginar a família Pêra, alguns anos depois dos eventos do 1 º filme, com os poderes que representam os arquétipos de família do 1 º filme.

E chegamos ao fim. O que vocês queriam ver no 2 º filme? O que o 2 º filme concretizou? O que não concretizou? Escrevam nos comentários e até á próxima!

sexta-feira, 10 de agosto de 2018

Estreias da Semana - 9 de Agosto de 2018

Mentes Poderosas (2018)
M/14 Anos



Uma doença mata 98% das crianças da América. Os 2% que sobrevivem desenvolvem superpoderes e são colocados em campos de internamento. Uma menina de 16 anos escapa do lugar onde estava detida e junta-se a um grupo de outros adolescentes que fogem do governo.

Nada a Perder (2018)
M/12 Anos



Biografia autorizada de Edir Macedo, o controverso fundador da Igreja Universal do Reino de Deus.

Pela Borda Fora (2018)
M/14 Anos



Esta é a história de Leonardo (Eugénio Derbez), um playboy egoísta e mimado pertencente à família mais rica do México, e de Kate (Anna Faris), uma mãe solteira com três filhos contratada para limpar o iate de luxo de Leonardo.

Após demitir Kate injustamente e recusar pagar-lhe o ordenado, Leonardo cai ao mar durante uma festa e acorda na costa do Oregon com amnésia.

Kate aparece no hospital e, para receber o que lhe devem, convence Leonardo de que ele é seu marido e coloca-o a trabalhar - pela primeira vez na vida. Infeliz e desastrado, Leonardo adapta-se lentamente e ganha o respeito da sua nova família e dos colegas. Mas, com a família bilionária de Leonardo à sua procura e a possibilidade de a sua memória regressar a qualquer momento, até quando irá durar a nova situação?

Teen Titans GO: O Filme
M/6 Anos



Todos os grandes super-heróis estão a fazer os seus próprios filmes – todos menos os Teen Titans! O líder Robin está determinado a remediar a situação e tornar-se uma grande estrela. Com algumas ideias malucas e uma música nos seus corações, os Teen Titans vão para Hollywood. Mas quando são surpreendidos por um super-vilão que planeia dominar a Terra, as coisas começam a dar para o torto e a equipa fica fragilizada, pondo em causa o próprio destino dos Teen Titans!

Traições (Con)sentidas (2017)
M/14 Anos



Anna e Will só conheceram o amor um com o outro. Quando Will está quase para a pedir em casamento, o melhor amigo do casal sugere-lhes que estejam com outras pessoas antes de tomarem uma decisão para a vida. Como resistirá o casal a estas traições (con)sentidas?

Uma Equipa de Loucos
M/12 Anos



O Tio Drew reúne uma equipa de antigos jogadores de basquete para regressarem à quadra e completarem um torneio.

Vendeta (2018)
M/18 Anos



Três amigos casados reúnem-se para um encontro anual de caça numa zona de deserto. Desta vez, um deles traz consigo a sua jovem amante que, de imediato, desperta o interesse dos outros dois.

A situação depressa fica fora de controlo. Deixada como morta no meio do deserto infernal, a jovem agarra-se à vida e a caçada transforma-se numa impiedosa caça ao homem...

Os Bizarros Autoplágios Musicais do Cinema

Mentiram-nos? Não é bem assim: